CONECTIVIDADE

Conectividade no campo na prática e o modelo da Fazenda Conectada

Em decorrência da pandemia do novo Coronavírus, o mundo passou por uma forte aceleração no processo de digitalização em todas suas vertentes e é claro que o agronegócio não ficaria de fora. Na atualidade, a conectividade no campo é a melhor saída para encurtar as distâncias, disseminar informações, otimizar o tempo e reduzir custos do produtor rural.

Mas, para que os resultados sejam satisfatórios, cabe ao produtor rural entender a importância da conectividade no campo, sendo esse um dos insumos de maior importância da atualidade. E, para comprovar essa importância na prática, a CASE IH está promovendo uma verdadeira transformação em uma fazenda na cidade de Água Boa (MT) por meio da Fazenda Conectada.

conectividade

Fazenda Conectada CASE IH. Conectividade na palma da mão. Fonte: CASE IH

A Fazenda Conectada é um projeto inovador da Case IH que está levando conectividade para toda a região, além das melhores e mais avançadas soluções tecnológicas para a Agricultura Digital.

Assim, para mostrar a importância da conectividade no campo na prática, conversamos com Renato Coutinho, especialista em conectividade da Case IH. Ele nos mostra a importância da conectividade no campo e a verdadeira responsabilidade da Fazenda Conectada nisso. 

 

O Brasil é referência no agro, mas dependerá da conectividade para se manter forte

 Líder mundial na exportação de açúcar, proteína animal, café em grão, soja e suco de laranja, o Brasil se consolida, a cada ano, como o grande celeiro do mundo, sendo referência mundial do agronegócio.

Internamente, o setor é responsável por empregar grande parte da nossa mão de obra. Segundo dados do IBGE, a cada 3 trabalhadores brasileiros, 1 trabalha dentro de algum setor ligado ao agronegócio.

No entanto, para se manter como referência, Renato Coutinho explica que o agronegócio brasileiro depende cada vez mais da conectividade no campo. “Hoje em dia, praticamente todos os temas relacionados à produtividade e lucratividade do agro estão ligados à conectividade”. 

Neste cenário, Coutinho explica que o agro atual precisa produzir mais e com muito mais qualidade e responsabilidade ecológica, e tudo isso só será possível via conectividade no campo.

Para produzir mais e melhor, o setor depende de uma melhor rastreabilidade dos alimentos e isso depende da conectividade. Já a comunicação, treinamento e qualificação de trabalhadores são fatores que também dependem da conectividade no campo como um meio de acesso”, complementa o especialista da Case IH.

Além do mais, Coutinho ressalta que a conectividade no campo não é a finalidade de todo um processo, e sim apenas o meio. No entanto, ele salienta que sem esse meio o agronegócio não chegará nas finalidades.

Hoje em dia é impossível falar em eficiência produtiva, qualidade de vida e educação do homem do campo sem conectividade no campo, sendo esse meio uma estratégia nacional para que o agronegócio brasileiro mantenha seu protagonismo”.

 

Fazenda Conectada CASE IH: Mostra a verdadeira importância da conectividade no campo

A Fazenda Conectada, caracterizada como um inovador projeto da CASE IH, é um projeto em andamento bastante amplo, mas ela tem como grande proposta levar internet de qualidade para uma região dentro do município de Água Boa (MT) que até então não tinha uma conectividade de qualidade.

conectividade

Mas dentro deste contexto, você deve estar se perguntando: Como a Fazenda Conectada irá ajudar o produtor rural em um âmbito mais geral?

Segundo Renato Coutinho, a resposta passará necessariamente pela capacidade de tornar a conectividade mais tangível! “Com a Fazenda Conectada, o produtor rural conseguirá conhecer na prática os benefícios e ver tudo que a conectividade no campo já pode oferecer e viabilizar para o campo”.

Além do mais, o Brasil tem uma imensa variedade de terrenos, de topografia e de culturas, assim cabe à Fazenda Conectada promover a experimentação, tangibilizando o que é discurso. 

Ter um centro de experimentação, como a Fazenda Conectada, é essencial para promover a avaliação e a mensuração de resultados. Cabe ao projeto da CASE IH transformar o discurso em prática!”, completa Coutinho.

 

CASE IH + TIM: Parceria estratégica com foco na conectividade

Para colocar o projeto da Fazenda Conectada em prática, a CASE IH se uniu aos melhores parceiros que ela poderia ter. E no caso da oferta de conectividade no campo, a empresa desenvolveu uma parceria bastante estratégica com a TIM, que é uma das maiores fornecedoras de internet do Brasil.

A localidade recebeu 2 antenas que já levam conexão 4G da TIM de excelente qualidade à fazenda e à cidade de Água Boa, permitindo reunir as soluções mais avançadas da CASE IH e de seus parceiros.

Segundo Renato Coutinho essa parceria estratégica visa mostrar ao mercado como funciona a verdadeira conectividade no campo, mas não aquela apenas para acessar a internet e sim para uso do trabalhador do campo como um todo.

A parceria surgiu com o viés de entender o ambiente do campo para desenvolver modelos de negócio que viabilizem a conectividade, além de chegar nas áreas que são carentes de uma conexão de melhor qualidade, assim como já aconteceu com as áreas urbanas”, cita o especialista.

Além disso, é importante ressaltar que o tipo de conectividade disponibilizada pela TIM (4G de 700 MHz) apresenta importantes diferenciais específicos para uso do campo, tais como:

    • Conectividade pública;
    • É democrática, mudando todo um ambiente no ponto de vista de acesso;
    • Tecnologia baseada em protocolo de internet (IP) e Long Term Evolution (LTE). “Essa tecnologia escolhida para o projeto é essencial para uso das soluções atuais e futuras, tais como o futuro 5G”, salienta Coutinho.

conectividade

AFS Connect – O sistema de conectividade da CASE IH – Fonte: CASE IH 

 Além do mais, para Renato Coutinho a CASE IH escolheu o parceiro ideal dentro de um amplo ecossistema da conectividade no campo, já que a TIM acompanha o avanço da tecnologia de conectividade em diversos setores, como o campo. 

Essa parceria é muito acertada para a CASE IH e seus parceiros, mas especificamente para a TIM, o projeto da Fazenda Conectada trará muita experiência para que ela conheça bem o ambiente, melhorando sua oferta de conectividade no campo”. 

 

O que esperar para a Fazenda Conectada em termos do avanço da conectividade?

Certamente a Fazenda Conectada trará excelentes ensinamentos tanto para a CASE IH, quanto para seus parceiros, mas na concepção de Renato Coutinho, o projeto trará uma eficiência operacional bastante significativa em diversos aspectos inerentes ao produtor.

O primeiro destes aspectos é o ganho em visibilidade do planejamento, com a conectividade no campo permitindo saber como determinado processo está e o que precisa ser feito para chegar até um determinado objetivo, ou seja, permite a realização de simulações.

Um segundo aspecto está relacionado à organização. A atividade agrícola tem exatamente o mesmo princípio de uma fábrica, porém com o ambiente sendo variável por questões não controladas, assim é exigido que exista uma clara organização para evitar desperdícios dentro do plano de execução das atividades do campo.

Por fim, a Fazenda Conectada também mostrará a importância de uma comunicação mais eficiente no campo, resultando em eficiência logística mais assertiva de tudo que envolve a fazenda.

Mas, segundo Coutinho, todas essas possibilidades resultarão em uma eficiência muito maior na gestão de custos, não só na fazenda em que o projeto está sendo realizado, mas também em qualquer cultura ou segmentação, como por exemplo a agricultura familiar. 

Via conectividade no campo, o agricultor familiar poderá ter uma visibilidade de seus custos muito mais eficiente devido à possibilidade de realizar um planejamento financeiro muito melhor”.

conectividade

A Conectividade permite controle total da operação agrícola. Fonte: CASE IH

Por fim, quando comparado a outros países (como os EUA) o agronegócio brasileiro consegue competir frente a frente. Mas mesmo assim, podemos melhorar muito em termos de produtividade e rentabilidade e, sem dúvidas, a conectividade será fundamental para conseguir. 

Mesmo o Brasil sendo um país abençoado em termos ambientais, ainda temos que caminhar para atingir o mesmo patamar de eficiência dos EUA, tornando nosso país ainda mais competitivo e a Fazenda Conectada é o melhor exemplo para conseguir isso, pois permite alavancar novas oportunidades dentro de um amplo ecossistema”, finaliza Coutinho.

 

E você produtor rural? Como você acha que a conectividade no campo agregará em produtividade e rentabilidade na sua propriedade rural?

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *